Eu escrevo como se fosse para salvar a vida de alguém. Provavelmente a minha própria vida.

(Clarice Lispector)
Minha foto
" Pedi minhas contas, viajei e caí no mundão. Vou ver o mundo tendo o mundo como anfitrião. Florestas, rios, cidades e litorais. Pessoas, sentimentos, tradições e rituais.Colocarei meus pés em trilhas, pedras, manguezais. Fazendo o elo entre meus filhos e meus ancestrais. Serei sincero com o meu verdadeiro ser. Quero servir, quero ensinar, eu vim pra aprender. "

Semeiam Comigo *

Músicas

Músicas
Dos sonhos cantados.

Os prazeres singelos são o último refúgio dos homens complicados. (Oscar Wilde)

domingo, 19 de abril de 2009

Pushing Daisies


Como você se comportaria diante de um amor literalmente impossível? Ou melhor, o que te causaria menos dor? Viver ao lado da pessoa que você ama sem jamais tocá-la pelo simples de querer que ela viva, ou tocá-la sabendo que isso causaria a sua morte? Esse amor puro e impossível foi o que me fez ficar apaixonada por essa série. Vocês acharam a história trágica? Sim isso realmente é, mas também é extramente encantadora!O cenário, as personagens... Aah tudo é como um irresistível conto de fadas,por isso para aqueles que procuram adoçar a alma eu recomendo:"pushing daisies"


2 comentários:

Laís disse...

O maior prova de amor pode ser expressada em um olhar...deve ser linda essa série mesmo!!

Beijos para a Roberta, meninas das flores!

Roberta Blá disse...

concordo com você,o amor se encontra nos mais singelos gestos...
olha a série é muito apaixonante.. *-*
aaah
hehe
"menina das flores" adorei!
beijos pra vc tbm,
a "julieta moderna" mais simpática que já conheci!
(: