Eu escrevo como se fosse para salvar a vida de alguém. Provavelmente a minha própria vida.

(Clarice Lispector)
Minha foto
" Pedi minhas contas, viajei e caí no mundão. Vou ver o mundo tendo o mundo como anfitrião. Florestas, rios, cidades e litorais. Pessoas, sentimentos, tradições e rituais.Colocarei meus pés em trilhas, pedras, manguezais. Fazendo o elo entre meus filhos e meus ancestrais. Serei sincero com o meu verdadeiro ser. Quero servir, quero ensinar, eu vim pra aprender. "

Semeiam Comigo *

Músicas

Músicas
Dos sonhos cantados.

Os prazeres singelos são o último refúgio dos homens complicados. (Oscar Wilde)

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Infinito amor

Se eu falasse através dos meus sorrisos vocês ouviria o quanto eu sou uma pessoa melhor quando estou ao seu lado. Se os meus olhos fossem uma tela de cinema eles projetariam aquelas cenas que não saem da minha cabeça. Você sorrindo, você dormindo, você se fazendo de desentendido, você me abraçando ( ... ) apenas a sua tão necessária existência. Se as batidas do meu coração se tornassem música ao seus ouvidos você provavelmente ouviria coisas como : "Sim, desde que eu te vi eu te quis ... " . Se dos meus dedos saíssem luzes de satisfação, quando eu tocasse o seu rosto um arco- íris se formaria imediatamente. Se essas minhas palavras se tornassem estrelas e essas pudessem ser lidas por você, eu poderia te alcançar nesse infinito amor distante.

13 comentários:

Tatiane Lemos disse...

Ai Roberta, como vc conseguiu traduzir todos esses sentimentos desse jeito menina? Nossa vc escreve muito bem, a cada texto seu eu me impressiono com sua sensibilidade, parabéns por tornar esse blog um cantinho das"Pessoas apaixonadas" como eu, ha ha ha!

Beijos!

Abraão Vitoriano disse...

suas palavras dançam nobremente
sutilmente em meu coração
ao chamado do amor-bom-e-saudade...

beijos,
do seu homem mais menino

JOSÉ RAFAEL MONTEIRO PESSOA disse...

Caramba!!! Só sentindo pra entender.

Janaina. disse...

Praticamente escutei bater as asas das borboletas na sua barriga...lindo texto ( ou declaração...) beijo!

Aline disse...

Só o amor nos faz sentir fazer coisas impossiveis de se explicar, só amor é capaz fazermos acreditar que o mundo é perfeito, só basta levarmos no coração um pouco desse amor aí, um pouco desse amor tão de se sentir.

Tuas palavras foram lindamente ditas, adoreei a verdade de tudo que eu li.
Beijos e abraços apertados ;*

Mary* disse...

Quanta doçura, flor :)
Ah o amor. Sempre o amor. Nos faz infinitamente inspiradas, não é mesmo?!
Eu te amo ♥

Saudades*

Janaina. disse...

Oi Roberta, obrigada flor pelo seu comentário no meu blog, fiquei feliz por estar me seguindo também, estou sempre por aqui acompanhando seus textos...beijos!!!

Lia disse...

Querida, deixei um selinho pra vc no meu blog!

bjos

Tatiane Lemos disse...

Tem um selo pra vc no meu blog, bjs flor

Rebeca Amaral disse...

É tão bom estar apaixonada, né! Cada detalhe é o suficiente pro amor crescer mais e mais. Quem explica?

Lua disse...

Que LINDO!
Adorei toda doçura do amor no texto.

Boa semana, beijos!

Paula Alencar. disse...

Mais uma vez você expôs o que eu sentia em palavras simples, mas doces, agradáveis e extremamente bem colocadas. Obrigada, flor.

Karol Fiss ツ disse...

Oi Flor, estava passeando por esse mundo de blogs, quando me deparei com teu blog...e aqui fiquei! Teus textos são lindos! O Amor nos inspira bastante, é sempre bom amar!Este teu cantinho é super aconchegante!Espero vê-la um dia no meu blog!Ainda sou nova neste ramo, estou aprendendo e organizando muita coisa ainda! bjinhos