Eu escrevo como se fosse para salvar a vida de alguém. Provavelmente a minha própria vida.

(Clarice Lispector)
Minha foto
" Pedi minhas contas, viajei e caí no mundão. Vou ver o mundo tendo o mundo como anfitrião. Florestas, rios, cidades e litorais. Pessoas, sentimentos, tradições e rituais.Colocarei meus pés em trilhas, pedras, manguezais. Fazendo o elo entre meus filhos e meus ancestrais. Serei sincero com o meu verdadeiro ser. Quero servir, quero ensinar, eu vim pra aprender. "

Semeiam Comigo *

Músicas

Músicas
Dos sonhos cantados.

Os prazeres singelos são o último refúgio dos homens complicados. (Oscar Wilde)

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

"eu-artístico"

Calma, não se assuste!
É só o meu "eu-artístico" se expressando.
Ele anda tão
(re / de)primido ultimamente.

5 comentários:

Maryama* disse...

o meu também anda (re/de)primido :/ mas vem boas novas por aí. vamos deixa-los livres ;) preciso te contar! te amo (L)

Roberta Blá disse...

sério flor????
nossa preciso saber!!!
estou morrendo de saudades de um palco *-*
te amo! (L)

Maryama* disse...

Flooooor ;) Tem um selo pra você. Passa no meu blog pra ver =D
Amo muuuito você s2

Quell disse...

Triste!, porem você é inspiradora (li quase tudo aqui!)
Gostei daqui anjo!
To seguindo ok?
Beijo grande!

Polly disse...

Ah, deixa então ele voar por aí, faz bem! Eu tenho deixado o meu por aí, namorando as cores, as cenas da vida!

Dá um lida: http://pollyfonica.blogspot.com/2009/07/te-ato.html

Beijo, florzinha!